Cadastro Positivo

 

Cadastro Positivo: entenda como funciona o banco de dados de bons pagadores

Por Renata Martins Fonte:Portal EBC

Desde 1º de agosto de 2013, pessoas físicas ou jurídicas podem permitir que empresas e instituições financeiras tenham acesso ao seu histórico de pagamentos realizados em bancos, lojas que vendem acadastro-positivo-serasa crédito, consórcios, concessionárias de serviços públicos (água e luz, por exemplo).

O cadastro positivo nada mais é que um banco de dados que, ao invés de conter a lista de consumidores com dívidas não pagas, o temido cadastro negativo, traz o histórico dos “bons pagadores”.

Na hora de conceder um empréstimo ou financiamento, o credor analisa os riscos de um calote do consumidor. Emprego fixo, carteira assinada, nome fora do cadastro negativo, tudo conta na hora de fechar o negócio. Quanto mais garantias, menor o risco.

As instituições financeiras garantem que o Cadastro Positivo pode reduzir a  taxa de juros ao consumidor. Segundo a Febraban, o cadastro possibilitará que bons pagadores não paguem pelo risco representado pelos maus pagadores.

Como funciona

passosnovoO Cadastro Positivo  não é obrigatório e, de acordo com a regulamentação, sua abertura está “condicionada à expressa solicitação ou autorização do cliente”.

Assim, o interessado precisa autorizar uma das Gestoras de Banco de Dados (GBDs) ou instituições financeiras  a inclusão de seus dados. O formulário de adesão está disponível nos sites das GBDs. A Boa Vista Serviços (BVS) e a Serasa Experian permitem a abertura do cadastro por meio de certificado digital, já o SPC Brasil, requer a entregar do formulário na CDL ou o envio pelos Correios.

Após a abertura do cadastro, a GBD solicitará as informações do histórico de crédito e de pagamentos do cliente nos bancos, comércio e concessionárias.

Farão parte do histórico das operações os seguintes dados:  a data da concessão, o valor total , o valor das parcelas e os valores pagos do empréstimo ou financiamento concedido. Outros detahes da compra ou do financiamento como as especificações do produto adquirido, não podem contar no cadastro.

O serviço é gratuito e o cliente pode ter acesso às todas as suas informações do banco de dados. O cancelamento do cadastro pode ser solicitado a qualquer momento pelo consumidor.

clique


Data da publicação: 11 de março de 2016

Notícias

Dia dos pais vai movimentar 10,7 bilhões na economia

Levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Cré…

NOTA DE POSICIONAMENTO CNDL – REFORMA TRIBUTÁRIA

Sobre as medidas tributárias propostas pelo governo fed…

Apodi ampliará sistema de monitoramento por câmeras

O prefeito de Apodi, Alan Silveira, assinou na tarde des…

Presidente da FCDL RN recebe medalha Mérito Policial Luiz

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte comemorou 183…

Secretaria de segurança pública apresenta projeto de víde

O presidente da FCDL RN Afrânio Miranda conheceu deta…