Empresários estão preocupados com as mudanças no ICMS

 

matéria impostos  matéria impostos2

Empresários e contadores se reuniram hoje na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal)com os auditores fiscais do Rio Grande do Norte para tratar das mudanças nas regras do ICMS, e as consequências dessas mudanças para os comerciantes. Foram mais de três horas de conversa, dúvidas operacionais, sobre o SIMPLES nacional, sobre as cobranças, pagamentos e multas foram esclarecidos. Foi apresentado também as mudanças provocadas  pela emenda constitucional  n º 87/15 que trata da partilha provisória do DIFAL.

Os empresários aproveitaram o momento e questionaram a política das mudanças, falaram das dificuldades do setor com as constantes quedas em vendas e agora aumento dos impostos. “A situação não está fácil para o empresário brasileiro. Ano passado foram fechadas 80 mil empresas no País. As vendas estão ruins e ainda esse aumento os impostos a serem pagos? A situação só tende a piorar”, desabafou o empresário Orismar de Almeida, que tem mais de 30 anos de atuação no setor do comércio.

 

Outro que demonstrou preocupação com as mudanças foi Derneval Sá, presidente da Associação dos Empresários do Bairro do Alecrim (AEBA).

“Ainda estamos nos informando sobre as mudanças. Esses recolhimentos antecipados estabelecidos pela GIM cria mais dificuldade na operação de crédito do lojista, uma vez que agora vamos pagar antecipadamente, para posteriormente receber o crédito”, comentou ele.

 

Ao fim do evento os empresários solicitaram uma audiência com o governador Robinson Farias para tratar do assunto. “Precisamos de prazo para nos adequarmos, principalmente em relação a GIM,antes o repasse era feito,agora temos de esperar  60 dias, os empresários não  estavam preparados para isso, e com certeza essa mudança vai prejudicar o lojista”, afirmou Afrânio Miranda presidente da Federação das câmaras de Dirigentes Lojistas do RN (FCDL RN).

O presidente da FCDL/RN  ressaltou ainda que as mudanças foram publicadas no dia 30 de dezembro  de 2015, e já começaram a valer agora em primeiro de janeiro, sem prazo para adequação.

 

Ao fim do evento os presidentes da FCDL RN, Afrânio Miranda e CDL Natal, Augusto Vaz demonstraram satisfação. “A FCDL RN e a CDL Natal cumpriram seu papel de proporcionar aos seus associados orientações importantes sobre as mudanças fiscais e prestar esclarecimentos operacionais”,disse Afrânio Miranda.

 

Para o presidente da CDL Natal o evento contribuiu para informar os lojistas, e ouvir deles a realidade que cada um está passando em  seu estabelecimentos. “Os lojistas saíram hoje daqui mais informados tecnicamente sobre as mudanças fiscais. Percebemos que algumas foram positivas para o empresariado, porém outras preocupam e necessitam de adequações urgentes por parte dos lojistas, pois um erro pode comprometer o faturamento da empresa” afirmou Augusto Vaz.

 

 

 


Data da publicação: 17 de fevereiro de 2016

Notícias

Empossada 1ª diretora da CDL São Paulo do Potengi

    O movimento Lojista brasileiros está crescendo no…

Feira de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação movime

   O município de João Câmara localizado na região …

5 poadcast sobre empreendedorismo

Com certeza você já ouviu falar dos poadcasts né?! Esse f…

Rio Grande do Norte recebe Programa Políticas Públicas 4.0

Presidentes, diretores e executivos cedelistas de todo Rio G…

RN ganha quase 6mil novas empresas, na categoria MEI, nos ú

O apontamento foi feito pelo Sebrae, na última edição do …